Medicina Nuclear

Conheça a Cintilografia Óssea no Diagnóstico do Câncer de Próstata

Veja Como é Realizado o Exame de Cintilografia Óssea da Próstata

Olá pessoal, o tema deste artigo é sobre a indicação da Cintilografia Óssea no acompanhamento de pacientes com Câncer de Próstata, no mês novembro algumas campanhas ressaltam o exame para os homens acima dos 40 anos de idade, o novembro azul é uma iniciativa super importante para a prevenação e diagnóstico precoce da doença.

Câncer de Próstata e Metástase Óssea

cintilografia óssea - câncer de prostata-2
cintilografia óssea – câncer de prostata-2

O câncer de próstata tem a característica de atingir os homens na faixa etária acima dos 40 anos, é o câncer que mais atinge os homens no Brasil, o principal exame para prevenção e diagnóstico da doença é um exame clínico conhecido como “exame do toque”, neste exame o médico realiza um procedimento para avaliar o tamanho da próstata, caso esteja com um aumento são realizados outros procedimentos para conhecer a razão do crescimento, em alguns casos apenas o uso de medicamentos já normaliza o tamanho da órgão.

O crescimento do órgão é relacionado a possibilidade de um tumor, essa informação assusta os homens e também o fato do exame do toque ser constrangedor para muitos, o exame ainda é realizado por poucos homens.

O câncer é um tumor que cresce lentamente e quando há metástases o local mais comum de disseminação é o sistema esquelético. A maioria dos casos de mortalidade no câncer deve-se a metástase óssea. Uma pesquisa nos Estados Unidos apontou que 50% dos pacientes com câncer de próstata que desenvolveram metástase morreram dentro de 30 meses.

A Importância do Exame

O método mais usado na detecção e acompanhamento das metástases ósseas é a Cintilografia Óssea, utilizando compostos difosfonados marcados com Tecnécio 99m, nas áreas com concentração do radioraçador na cintilografia óssea são visualizadas como mestástases, em casos de dúvidas são realizados outros exames de Diagnóstico Por Imagem para confirmação de metástase.

O exame de é super importante no estadiamento e acompanhamento do paciente com câncer de próstata pelo fato de ser um método funcional, localizando toda a extensão de metástase pelo sistema ósseo.

Na imagem abaixo é possível visualizar onde o radiofármaco foi captado, identificando nas regiões uma atividade suspeita de tumores:

cintilografia óssea - câncer de prostata
cintilografia óssea – câncer de prostata

Caso de paciente com 58 anos de idade, diagnóstico pela imagem cintilográfica de disseminação de metástase generalizada por Câncer de Próstata. (Imagem da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais).

Como o exame é realizado?

Embora o mecanismo exato dos radiofármaco com afinidade óssea (difosfanatos de Tecnécio 99m) não esteja bem compreendido, a captação pelo sistema ósseo depende do fluxo sanguíneo no local e da atividade osteoblástica, dessa forma são produzidos na imagem cintilográfica a atividade de possíveis tumores na superfície óssea.

A grande vantagem do exame é identificar lesões em único exame, avaliando áreas com possíveis riscos de fraturas, é o método que detecta inúmeras metástases no esqueleto.

O tratamento do câncer pode ser através de cirurgia, quimioterapia ou radioterapia e, o planejamento do tratamento de tumores avançados dependerá da avaliação da cintilografia para avaliar a existência ou não de metástase óssea.

Até a próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo