Mercado de Trabalho

12 Coisas Super Importantes Que Você Não Aprende no Curso de Radiologia

Saiba Quais São os Diferenciais Que Você Não Aprende no Curso de Radiologia Que Podem Dar um UP na Sua Carreira

Olá pessoal, tudo bem? A necessidade de tanto discutir sobre emprego é devido ao crescimento continuo do mercado e a falta de pessoas qualificadas para ocupar vagas de Emprego na Radiologia.

Na medida em que passa o tempo as competências e habilidades exigidas pelos empregadores aumentam e estas exigências estão indo muito além do que se aprende dentro da sala de aula.

Não é de hoje que é dito que o mercado profissional está muito competitivo e para alcançar uma boa colocação profissional não é fácil. Somente o diploma não é suficiente para se conseguir um bom Emprego na Radiologia.

Empregabilidade é uma palavra amplamente discutida em todos os setores, em definição no dicionário é a qualidade do que é empregável e a capacidade do indivíduo para se enquadrar profissionalmente.

Conseguir se formar com notas exemplares, frequentar assiduamente o estágio e realizar o registro profissional não é mais garantia de vaga de emprego na radiologia. Estas atitudes passam a serem obrigações de qualquer estudante.

Ser o mais inteligente e primeiro da turma não é vantagem competitiva para o mercado. Saber de “cor e salteado” como é obtida imagem no diagnóstico por imagem, as modalidades da radioterapia ou as aplicações da radiologia industrial, não vai ser um diferencial pra você, e sim uma obrigação.

O mercado quer aquele que é competente e comprometido. Alguns rejeitam a ideia, entretanto, se comprometer não necessariamente é dar a vida pela empresa, mas é fazer o melhor de si conforme a necessidade do objetivo.

Uma Analogia

Quem conhece um prato chamado bife à cavalo sabe que é um bife de carne bovina com um ovo frito em cima. Na realização deste prato, a galinha entrou com o ovo e o boi entrou com a própria vida.

A galinha se comprometeu e o boi deu totalmente o seu sangue pelo objetivo, mas morreu, não pode ver o sucesso da sua contribuição, e pior que quem ganha a fama do sucesso do prato é o cavalo, normal no mundo corporativista.

Por isso, não é necessário dar a vida pela empresa, mas sim fazer o dar o seu melhor, ser comprometido conforme as exigências da empresa.

O que fazer então para se enquadrar na exigência do mercado da Radiologia?

Para entender melhor o que é empregabilidade, o mercado entende como características interessantes para o candidato:

  • A experiência profissional, pessoal e formação acadêmica.
  • Os diferenciais quando comparado ao outros candidatos de semelhante trajetória.
  • O que irá mudar na empresa com sua contratação.
  • As qualidades que o candidato possui que não é apresentado no currículo.

Ou seja, quando você começa a pensar no porque da empresa deve contratar você e não eles, não estabelece mais o diploma como diferencial, afinal, eles tem a mesmas experiências que você, são recém-formados, passaram pelo estágio e estão com o diploma e a carteira profissional nas mãos, neste momento não basta o quanto você sabe, mas sim o quanto você é.

No final das contas, isso é uma competição e para chegar lá antes deles precisa de preparação. Mas, quem são… eles? Eles são as dezenas de indivíduos que estão buscando o mesmo espaço que você, por isso é tão importante o diferencial competitivo e a preparação além sala de aula para se conseguir um bom emprego na radiologia.

O candidato deve-se preparar a possuir competências e habilidades técnicas que vão além do que se apresenta no currículo, possuir qualidades integras e éticas que adquiriu durante a vida e a carreira, ter traços diferenciais associados a sua personalidade, caráter e comportamento.

Que outras habilidades eu preciso para conseguir um bom Emprego na Radiologia?

emprego na radiologia
emprego na radiologia

Os Cursos Técnicos e Universitários de Radiologia possuem estruturas de ensino direcionadas ao aprendizado técnico cientifico, infelizmente por falta de tempo as grades curriculares nem sempre são construídas oferecendo determinadas habilidades exigidas no mercado, a formação do indivíduo é voltada diretamente para a profissão, entretanto estas habilidades farão a diferença durante a carreira profissional.

#1 – Marketing Pessoal

#2 – Ser Multicultural

#3 – Networking

#4 – Trabalho em Equipe

#5 – Ser Interdisciplinar

#6 – Saber se Comunicar

#7 – Interpretar Ambientes

#8 – Proatividade

#9 – Saber Escolher Especialidade

#10 – Ser Líder

#11 – Educação Continuada

#12 – Automotivação

Desta forma, conhecendo e aplicando estas habilidades, o recém formado terá um diferencial competitivo muito forte e será um profissional muito mais completo. Você vai então conseguir o bom Emprego na Radiologia que você procura. Ninguém vai te segurar!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo