Diagnóstico por Imagem

Posicionamento Radiológico do Primeiro Dedo da Mão (Polegar)

Conheça o Posicionamento Radiológico do Primeiro Dedo - Polegar

Os dedos podem ser chamados de quirodactilos e o primeiro também é conhecido como polegar. O primeiro dedo é formado por duas falanges, a distal e a proximal que articula-se com o primeiro metacarpiano.

As radiografias dos dedos da mão podem demonstrar doenças degenerativas e fraturas como as de Bennett, Rolando e do Boxeador, estas  são intra-articulares e podem ocorrer na base do primeiro osso metacarpal. Para os tratamentos é importante distinguir estes tipos que são fraturas transversais ou oblíquas.

A lesão dos tecidos moles que resultam na ruptura do ligamento colateral ulnar da primeira articulação metacarpofalangeana que frequentemente acompanha por fratura da base da falange proximal.

Para radiografar o dedo é necessário que o paciente retire os adereços da região de interesse. Utilizar equipamento de proteção individual e nas mulheres questionar sobre a possibilidade de gravidez.

As radiografias são realizadas com distância foco-receptor no mínimo a 100 cm colocando o dedo sobre o RI em contato direto para reduzir as distorções.

O recomendado é utilizar foco fino para demonstrar melhor os detalhes e também recomenda-se colocar cilindros ou cones para restringir a radiação dispersa.

As incidências radiológicas utilizadas são as anteroposteriores ou posteroanteriores, laterais e oblíquas. Abaixo estão algumas incidências utilizadas.

Posteroanterior (PA) e Anteroposterior (AP)

posicionamento radiológico - polegar
posicionamento radiológico – polegar

Técnica

Posicionar o paciente sentado junto à extremidade da mesa com o cotovelo  fletido a cerca de 90 graus; com a mão e o antebraço apoiados no receptor de imagem (RI) que estará no tampo da mesa;

AP- Girar internamente a mão com os dedos estendidos até que a superfície posterior do polegar esteja em contato com o RI (pode ser necessário segurar os dedos por trás com a outra mão);

PA- Estender a mão com o primeiro dedo separado dos outros, podendo apoiar em bloco de isopor. Este posicionamento causará pequena magnificação.

Raio central (RC) perpendicular ao RI, direcionado para a primeira articulação metacarpofalangeana.

Incidência Alternativa em AP (Modificada Pelo Método de Robert)

Método de Robert

posicionamento radiológico - polegar (método de Robert)
posicionamento radiológico – polegar (método de Robert)

Paciente sentado junto à extremidade da mesa  o braço em extensão ou parcialmente fletido;

Girar o braço anteriormente até que o aspecto posterior do polegar esteja apoiado no RI;

RC direcionado proximamente 15 graus (em direção ao punho), entrando pela primeira articulação CMC.

Este posicionamento e todos os posicionamentos radiológicos dos membros superiores e inferiores você encontra no Manual Prático de Técnicas Radiológicas e no Manual Compacto de Técnicas Radiológicas.

Até a próxima.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo